Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Moda e Beleza

by Cláudia Gusmão

Moda e Beleza

by Cláudia Gusmão

Dom | 11.11.18

TUDO SOBRE OS CUIDADOS DE LÁBIOS

IMG_6612.JPG

  Os lábios não têm glândulas sebáceas e são muito vulneráveis aos efeitos do frio, alterações de temperatura, baixa humidade, constante falar/beber/comer, pelo que facilmente secam e descamam, precisando de cuidados redobrados durante o Inverno.

 Utilizar um bom bálsamo labial é meio caminho andado para prevenir e tratar o problema, sendo que devemos ter especial atenção à presença de ingredientes irritantes, como mentol, óleos essenciais, limonene, linalool, cânfora, perfume, canela, limão ou ácido salicílico - por exemplo - na composição, o que pode levar a uma constante aplicação de produto sem melhorias visíveis do problema, podendo até agravá-lo. Do ponto de vista contrário, alguns ingredientes a procurar são cera de abelha, pantenol, ceramidas, mel, manteiga de karité, manteiga de cacau, calêndula, lanolina ou outros óleos/manteigas vegetais.

 Usar vaselina pura nos lábios vai apenas evitar a desidratação, formando uma camada sobre os lábios que previne a perda de água. No entanto, se os lábios já estiverem secos ou gretados, a vaselina não tem capacidade de hidratação nem reparação. Assim, um bálsamo que contenha um pouco de vaselina e ingredientes hidratantes e reparadores, ajuda tanto a tratar os lábios como a prevenir a perda de água. Os bálsamos mais concentrados em ingredientes hidratantes e reparadores serão os que proporcionam mais hidratação e conforto.

 

 Um dos meus bálsamos favoritos é o Nuxe Rêve de Miel Lip Balm (aprox 10€, 15ml, aqui), que é rico em cera de abelha, manteiga de karité, mel e óleos vegetais. Tem uma textura super rica, com acabamento mate, e mantém-se durante horas, hidratando realmente os lábios. Aplico-o à noite para fazer a sua magia enquanto durmo. Este bálsamo não tem vaselina e é, portanto, mais hidratante e reparador. No entanto, tem limonene e linalool na composição, que podem causar irritação a quem tem lábios sensíveis ou com eczema.

IMG_7060.JPG

  Outro dos meus favoritos de sempre é o Cicaplast Lèvres da La Roche-Posay (aprox 7€, 7,5ml, aqui), que é o mais indicado para lábios sensíveis ou com eczema, podendo no entanto ser usado por toda a gente. É rico em cera de abelha, manteida de karité, pantenol e ceramidas e não tem qualquer perfume ou ingrediente irritante nem vaselina, sendo super reparador para os lábios mais gretados ou para quem se encontra a fazer tratamentos que causam secura, como a isotretinoína. Dá de imediato uma sensação de conforto e também aguenta bastante bem nos lábios.

 

 Uma opção muito semelhante ao anterior é o Aquaphor Lip Repair (aprox 4€, 10ml, aqui), que não se encontra tão facilmente no mercado Português, mas que tem uma composição bastante semelhante com o Cicaplast com a vantagem de ser um pouco mais fluido e, portanto, mais leve para usar durante o dia, não dando tanto uma sensação de "produto nos lábios". Também não tem perfume nem vaselina e é também indicado para quem tenha lábios sensíveis ou eczema.

 

 O Letibalm (aprox 6€, 10ml, aqui) é um bálsamo algo diferente, já que contém manteiga de cacau e lanolina na composição. A lanolina tem uma capacidade ultra emoliente e reparadora, pelo que é fantástica para quem tem lábios gretados ou fissuras, para quem está constipado e procura um produto para reparar nariz e lábios ou para quem sofre de quelites. Existe na versão fluida e em boião, sendo que o boião é mais concentrado e eficaz, mas o fluido é mais fácil para aplicar ao longo do dia. Tem lanolina como 1º ingrediente e vaselina como 2º, pelo que terá função hidratante e oclusiva. Infelizmente, tem mentol e cânfora na composição que, embora proporcionem uma sensação de frescura agradável, podem causar irritação a quem tem os lábios mais sensíveis.

IMG_6636.JPG

 Um clássico nos cuidados de lábios é o Eight Hour Cream da Elizabeth Arden (aprox 22€, 50ml, aqui), que é uma mistura de vaselina - que confere oclusão do exterior - e lanolina - que hidrata e repara os lábios. Por ter 57% de vaselina, é bom para aplicar nos dias especialmente frios e ventosos, protegendo os lábios da desidratação. Tem um pouco de ácido salicílico, que pode irritar os lábios mais sensíveis - a mim não me causa problemas. A minha embalagem - na imagem acima - veio num kit de edição limitada, onde o produto original foi colocado numa pequena latinha, mas habitualmente encontram uma embalagem de 50ml do produto, que pode também ser usado nas cutículas ou noutras zonas desidratadas da pele.

coldcreamlipstickavene.jpg

 Um bálsamo que tenho sempre na carteira é o Cold Cream Stick Lèvres da Avène (aprox 10€, 2 x 4g, aqui), que tem cera de abelha, manteiga de karité, outras manteigas vegetais e um pouco de óleo mineral, pelo que, tal como anterior, ajuda a hidratar os lábios mas também a proteger do frio e do vento. Tem também dióxido de titânio, que protege da radiação solar, pelo que adoro aplicar este bálsamo ao longo do dia, para proteger tanto da desidratação como da radiação solar. Tem um pouco de perfume, mas nunca me causou nenhum problema.

IMG_6649.JPG

 Os bálsamos labiais da Benecos (2,99€, 4,8g, aqui - 10% de desconto com o código MODABELEZA10) são uma excelente opção para quem prefere produtos naturais e vegan. Compostos por azeite, manteiga de karité, manteiga de cacau e óleo de jojoba, são muito hidratantes nos lábios mas não os deixam muito gordurosos, pelo que também são fantásticos para aplicar antes de um batom de cor. Estão disponíveis em vários aromas, todos eles bastante agradáveis. Existe também o clássico, perfeito para quem não gosta de aromas ou tem os lábios sensíveis. Não contêm vaselina nem outros derivados do petróleo e são certificados BDHI & Peta Cruelty Free. E uma curiosidade? Ganharam a medalha de ouro nos Free From SkinCare Awards 2017 como melhores bálsamos labiais!

 

 Em resumo, alguns cuidados importantes a ter com os lábios são:

  • Aplicar um bálsamo hidratante e reparador todas as noites (como o da Nuxe, da LRP ou da Benecos) e um bálsamo protetor da desidratação e radiação solar ao longo do dia (como o da Elizabeth Arden ou da Avène);
  • Não lamber ou morder os lábios, pois a saliva é muito irritante e morder causa feridas, que por sua vez podem levar a uma inflamação crónica;
  • Esfoliar ligeiramente os lábios com uma escova de dentes macia ou uma tolha de turco húmida para remover as células mortas;
  • Em caso de lábios muito secos, aplicar uma camada de bálsamo hidratante antes do batom ou usar gloss com propriedades hidratantes.

 

Espero que estas dicas ajudem a manter os lábios hidratados e protegidos este Inverno :) Qual é o vosso bálsamo favorito?

4 comentários

Comentar post