Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Moda e Beleza

by Cláudia Gusmão since 2006

Moda e Beleza

by Cláudia Gusmão since 2006

Sex | 13.02.15

Com ou sem maquilhagem? O que é melhor para a pele?

maq.jpg

 Uma pergunta que recebo com imensa frequência no blog é se a maquilhagem faz mal à pele. Este tópico suscita as mais diferentes opiniões e eu vou partilhar convosco a minha opinião e a minha experiência. Na minha modesta opinião, não é a maquilhagem que faz mal à pele. É usar os produtos errados, não remover bem a maquilhagem, etc, que faz mal à pele. No meu caso, eu noto até a minha pele mais calma e protegida quando uso um pouco de maquilhagem no dia-a-dia, acaba por ser um escudo contra a poluição. Dito isto, tal não significa que uso uma base de cobertura total todos os dias. O segredo, é escolher os produtos certos a usar e removê-los de forma correcta.

 Quem tem a pele aneica ou oleosa deve sempre escolher produtos oil-free e não comedogénicos, já que esses não vão obstruir os poros e, por isso, não vão agravar a condição da pele. Se uma pessoa tiver acne e utilizar uma base para pele seca, é provável que esta agrave a condição da pele. Quem tem a pele seca deve optar por uma fórmula mais hidratante. E por aí em diante. Quando estamos na dúvida sobre qual o nosso tipo de pele ou qual o produto mais indicado para nós, nada como pedir ajuda a um profissional ou às conselheiras que estão disponíveis nas lojas. No dia-a-dia o ideal é optar por um produto mais leve, como um BB ou uma base de cobertura leve a média, deixando as bases mais pesadas para ocasiões especiais. Ainda assim, há quem use bases de cobertura total diariamente e não tenha qualquer problema, muito devido à boa remoção que fazem do produto ao final do dia. É também essencial verificar que a pele não é alérgica a nenhum dos ingredientes dos produtos que utilizamos. A qualidade dos produtos que utilizamos também é sempre um factor a ter em conta! Os produtos que usamos todos os dias são os que devem ter melhor qualidade.

 Outro factor que condiciona a saúde da pele é não remover a maquilhagem em condições. Há pessoas que usam apenas uma toalhita para tirar a maquilhagem. Não é suficiente, ao fim de um dia inteiro é preciso algo mais potente. Uma água micelar ou um óleo desmaquilhante são as melhores opções e devem ser seguidos da utilização de um gel/creme de limpeza suave, já que o 1º passo desmaquilha e o 2º passo é o que realmente limpa a pele. Quero também referir que é essencial aplicar um hidratante no rosto antes de aplicar a maquilhagem, já que a pele poderá absorver os ingredientes do hidratante (que lhe são essenciais) e a maquilhagem fica mais à superfície.

 Algumas leitoras também me perguntam se ajuda ficarem, por exemplo, uma ou duas semanas sem usar maquilhagem. Para dizer a verdade eu não acho que isso seja o que ajude. A maioria de nós sente-se mais confortável com um pouco de maquilhagem e não há nada de errado com isso. O que sugiro é que retirem a maquilhagem logo que cheguem a casa ao final do dia e façam a vossa rotina de pele habitual. Por exemplo, se eu aplicar a maquilhagem às 8h e a remover às 18h, a pele passa mais tempo sem maquilhagem e pode absorver os produtos de tratamento nocturnos, que habitualmente são os mais "potentes". Se se chegar a casa às 14h, remove-se a maquilhagem a essa hora. Quando chegarem a casa, se souberem que não vão sair, optem por remover logo a maquilhagem. Podem também ter um dia na semana em que optam por não usar maquilhagem. Mas não penso que estar uma semana ou duas sem usar maquilhagem, depois usar mais duas ou três semanas, depois estar sem usar, etc, seja o que funciona melhor para a pele. Ao termos o cuidado diário de remover bem a maquilhagem e deixar a pele liberta durante tanto tempo quanto possível vamos conseguir ter os benefícios de forma mais regular, sem termos de deixar de usar maquilhagem.

 Por fim, muitas leitoras se preocupam com os ingredientes contidos nos produtos de maquilhagem. Como em todos os produtos que não são naturais e/ou orgânicos, há a presença de químicos. Se for essa a vossa preocupação, podem optar por utilizar marcas mais naturais como a Benecos, a Lily Lolo, a Dr.Hauschka ou a Living Nature. Relembro que um produto não é natural só por dizer "natural" na embalagem, verifiquem sempre os ingredientes.

 Reparei que esta questão tem surgido muito, talvez por ter começado a rubrica "Base da Semana", e queria dar-vos a minha opinião sobre ela. Espero ter ajudado com a minha opinião que pode, ou não, corresponder com a vossa. Se quiserem partilhar a vossa nos comentários ou tiverem alguma dúvida, fiquem à vontade :)

11 comentários

Comentar post