Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Moda e Beleza

by Cláudia Gusmão since 2006

Moda e Beleza

by Cláudia Gusmão since 2006

Dom | 02.01.11

Arrumação da roupa e calçado

Já diz o ditado que "ano novo, vida nova", e porque não "arrumação nova"? Se o teu roupeiro está um caos e nunca encontras nada do que procuras, então este post é para ti. Vou tentar manter tudo muito simples, de forma a ser fácil perceber como organizar correctamente o roupeiro.

1. Faz uma divisão das peças. Não precisas de organizar tudo por cores, mas deves dividir as roupas em jeans, calções, camisas, casacos, casacos de malha, t-shirts, camisolas de manga, pijamas, etc, ou seja cada peça de roupa tem uma secção, assim quando fores procurar alguma peça já sabes em que secção deves procurar.

2. Organiza a distribuição do roupeiro. Mesmo que o teu roupeiro seja pequenino podes perfeitamente fazer a distribuição como acima indicado. Deixa as peças mais pequenas (como calções, tops, pijamas, etc) para as prateleiras e/ou gavetas e pendura as peças maiores como calças, vestidos, camisas, casacos, enfim :) Assim irás orientar melhor o espaço. Podes, para conseguir a distribuição do ponto 1, colocar por exemplo os vestidos todos do lado mais à esquerda, depois ao lado todas as camisas, depois ao lado todos os casacos e assim continuamente. Se o teu roupeiro for maior e tiveres mais possibilidades de arrumação deixa por exemplo uma prateleira só para camisolas de manga, uma só para carteiras e sempre assim :)

3. Protege o calçado. Seja onde for que guardas o teu calçado, mas principalmente se o guardares no teu roupeiro, deves usar caixas para os proteger e para evitar que algum cheiro menos agradável invada o roupeiro (bem como as solas não costumam ser muito limpas). Podes optar por caixas empilháveis para sapatos ou por sapateiras de pendurar na parede (que poupam muito espaço). Se preferires tens ainda os organizadores para pendurar no varão da roupa (neste caso protege cada par de sapatos com um saco de plástico transparente).

4. Protege as peças sensíveis. Há peças de roupa (como vestidos de noite, casacos de pêlo, etc) que precisam de ser protegidos para evitar que se estraguem ou desgastem. O melhor é investires em capas próprias protectoras, mais vale gastar algum dinheiro nisso do que depois ficar com as peças estragadas.

5. Se o teu roupeiro é pequeno, inova. Se não tens muito espaço para guardar tudo o que tens, será melhor investires em cabides múltiplos para calças ou outras peças, bem como caixas organizadoras ou organizadores para pendurar. Tenta apenas que o resultado não fique demasiado "amontoado" porque caso contrário as roupas vão ficar todas amarrotadas e será mais propício a ganhar traça, já que as roupas precisam de arejar. Outra excelente ideia para quem tem roupeiros pequenos é comprar uma cómoda, que dá muita arrumação.

6. Compra bons cabides. Os cabides onde penduras a roupa são importantes e isso não quer dizer que tenham de ser caros, devem apenas ser resistentes e não correrem o risco de lascar ou partir, já que isso iria estragar a roupa.

7. Separa a roupa limpa da roupa para lavar. Quando usares uma peça de roupa, principalmente as que andam mais juntas ao corpo, põe-na para lavar quando a tirares. Misturar roupas limpas com roupas usadas é um grande erro porque os cheiros e as bactérias transportam-se entre os tecidos e vai parecer que nunca tens a roupa realmente limpa e "perfumada", para além de que com tudo misturado é muito mais difícil escolher. Há cestos bem baratinhos para esse efeito :)

8. Arranja uma separação para a roupa interior. Se não tiveres gavetas o melhor é comprares umas caixinhas ou divisores para guardares a tua roupa interior, ela não se deve misturar com o resto da roupa, para além de que, como são peças muito pequenas, dá logo a ideia de que está tudo desarrumado.

9. Mantém tudo no lugar. Esta dica parece muito básica, mas é sagrada! Quando tirares uma peça do sítio, volta a pô-la no sítio quando não precisas dela e mantém a organização inicial, ou seja devolve-a à sua secção em vez de misturares calças com vestidos e camisas.

10. Faz um refresh de vez em quando. No início de cada estação, antes de escolheres as peças novas a comprar dá uma volta ao teu armário, vê o que já não usas e dá a uma instituição e aproveita para fazer uma lista do que tens e do que precisas, assim não compras peças desnecessárias. Se o teu roupeiro já está cheio tens de seguir uma regra: quando uma ou duas peças entram, outra tem de sair para manter o equilíbrio.

11. Escolhe bem o roupeiro. Se fores comprar um roupeiro novo e tiveres possibilidade de escolher, investe num modelo PAX da IKEA, são feitos à tua medida: tu escolhes as dimensões, se tem prateleiras, gavetas, varões, portas de correr ou não, espelhos ou não, enfim. Compensa bastante comprar este tipo de roupeiros.

E por fim temos de nos convencer que nem todos podemos ter um closet assim deste tamanho:

AhAh :) Sintam-se à vontade para deixar questões.

14 comentários

Comentar post

Pág. 1/2