Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Moda e Beleza

by Cláudia Gusmão

Moda e Beleza

by Cláudia Gusmão

Seg | 20.01.14

Guia 2014 #3: Decorar sem gastar muito

A decoração é uma das minhas paixões! Adoro mudar o ar a uma divisão da casa e confesso que, se pudesse, mudava muito mais do que o que mudo. (fãs do Querido Mudei a Casa por aqui?) No entanto, a decoração ou a mudança de decoração pode ser dispendiosa, especialmente se não for bem pensada e planeada. Assim, venho hoje partilhar algumas dicas e sugestões para decorar sem gastar muito, espero que gostem! Convido-vos também a visitar o meu álbum de inspiração, aqui.
1. Decorar em tons de branco é o mais versátil, ou seja, se tivermos paredes neutras e móveis brancos, podemos facilmente mudar uma colcha, uns cortinados, etc, gastando pouco e mudando completamente o visual de uma divisão.
2. Um sofá velho pode ser alterado sem ter de ser deitado fora. Mandar forrar ou comprar uma capa de tecido, como estas, é uma óptima forma de alterar visualmente um sofá sem ter de comprar um novo.
3. Alguns móveis podem estar em bom estado e não ter de ser necessariamente deitados fora. Uma ideia para os alterar sem gastar muito é pintá-los! Uma lixa, um primário e uma tinta para madeira à escolha são os essenciais. Se o móvel tiver puxadores também se podem comprar uns novos, como estes, o que dá de imediato um novo visual. Podem também procurar móveis antigos que por vezes são deixados no lixo e recuperá-los.
4. Procurar soluções para o espaço disponível é sempre essencial antes de comprar seja o que for. Espaços pequenos, por exemplo, ficam melhor se tiverem tons claros, poucos móveis, muita iluminação e alguns espelhos. Nas divisões grandes pode optar-se por pintar uma parede mais escura, para diminuir tamanho visualmente, por exemplo. Tirar as medidas do espaço também é importante, podendo até usar-se fita autocolante no chão para ver quanto espaço determinado móvel vai ocupar. Planear é essencial antes de comprar, pois evitam-se compras erradas.
5. Procurar inspiração na internet ou em revistas e catálogos também é importante, pois podemos ter ideias que nunca tinhamos pensado, aprender a reciclar algum móvel ou decoração, enfim. Aconselho o Pinterest e o Liz Marie Blog para inspiração e dicas.
6. Quando se procura por móveis ou outros objectos de decoração, é bom visitar várias lojas e comparar preços, já que muitas vezes artigos semelhantes têm preços diferentes em lojas diferentes.
7. Pequenos objectos de decoração, como flores, velas e molduras podem adicionar um toque bonito a uma decoração sem gastar muito. Novamente, parece que me estou a repetir, mas a verdade é que ver catálogos e imagens na internet pode ajudar muito à inspiração. Podem também fazer as vossas próprias decorações, como aqui, aqui ou aqui.
8. Fazer trocas com amigas também é uma ideia viável. Tal como fazemos com a roupa, podemos trocar cortinados, mantas, colchas, móveis, enfim. O que uns já não precisam pode ser o que outros procuram!
9. Se quiseres comprar móveis novos mas não tens muito dinheiro, pensa em comprar móveis simples e acessíveis, como os da linha RAST do Ikea, que depois podes personalizar a teu gosto pessoal com recurso a tintas, que sai mais barato do que comprar mobílias já prontas. Um pouco de originalidade e dedicação podem fazer milagres! Podem ver algumas sugestões para a cómoda RAST na imagem abaixo e aqui.
10. Por fim, mudar a disposição dos móveis numa divisão, mudar um móvel de um local para ou mesmo mudar móveis de uma divisão para outra pode mudar toda uma divisão sem ser necessário comprar nada!
Não se esqueçam de doar os vossos móveis antigos se entretanto decidirem comprar novos, há sempre quem lhes possa dar uma nova vida :) Espero que tenham gostado das dicas e, se tiverem mais, por favor partilhem nos comentários :)
Sex | 17.01.14

Tudo sobre os meus óculos!

Olá bonecas! Mais uma semana imensa de frequências e relatórios e, se tudo correr bem, daqui a uma semana já terei umas merecidas férias para descansar antes do próximo semestre, que começa em Fevereiro. Entretanto, hoje estava a pensar num post e lembrei-me de que recebo imensas perguntas sobre os meus óculos, uma vez que ultimamente tenho publicado algumas fotos no facebook com eles. Como quando chego a casa tiro as lentes de contacto e coloco os óculos, achei que seria a altura ideal para tirar umas fotos e fazer este post.
Desde os 12 anos que uso óculos, tendo começado por apenas 0,5 de graduação por causa do astigmatismo. Ao longo dos anos tem vindo a piorar um pouco. Dei conta a primeira vez porque as folhas de quadrículas me faziam confusão, parecia que trocava as linhas, especialmente durante os testes, em que estava numa situação de stress. Com 12 anos comecei a usar óculos e com 14 passei para as lentes de contacto, uma vez que nunca gostei de usar óculos. Acho que nunca tive o modelo certo de óculos para mim e, ao mesmo tempo, detesto o facto de ficarem sujos, molhados, pesarem no nariz, enfim! Normalmente só usava os óculos quando chegava a casa e tirava as lentes de contacto.
No entanto, no Verão passado fui fazer o exame anual habitual e o astigmatismo do meu olho direito piorou bastante. Como só posso usar as lentes de contacto durante 8h por dia e muitas vezes tenho de estudar, fazer trabalhos ou basicamente sair socialmente depois disso, pensei que precisava mesmo de um par de óculos com que gostasse de me ver.
Experimentei muitos pares na óptica e estes da marca Pump foram os que mais gostei. São modernos, práticos e a armação custava apenas 30€! São muito semelhantes aos da Ray Ban, havia também a opção da armação preta em massa completa, mas eu preferi estes por serem mais leves. São bastante confortáveis, a lente tem bastante espaço, o que me dá bom ângulo de visão e são de boa qualidade, já os tenho há mais de meio ano e não tive qualquer problema, nem de alargarem. Obviamente que se os usar o dia todo vou ficar com marca no nariz, mas não tanto como outras armações que experimentei. Estou bastante satisfeita! As armações da Pump fazem parte da campanha da Well's Ótica onde podem adquirir óculos graduados com tratamento anti-reflexo por 150€. Se precisarem recomendo a irem dar uma vista de olhos :)
Qui | 16.01.14

Pequeno-almoço de eleição - Protein Waffle

Olá bonecas! Hoje venho partilhar convosco a minha receita de pequeno-almoço favorita! Como muitas de vocês provavelmente sabem, adoro as panquecas recomendadas pelas meninas do Tone it Up, mas procurava uma receita rápida, simples e cujos produtos fossem facilmente acessíveis e não muito dispendiosos. Normalmente quando pensamos em panquecas ou waffles pensamos em alimentos super doces e calóricos, sem nada de nutritivo. No entanto, esta receita é muito nutritiva, sem açúcar adicionado e cheia de proteína, o que ajuda na manutenção da massa magra. As quantidades indicadas na receita fazem duas doses, ou seja, podem fazer a receita apenas dia sim dia não, e guardar uma waffle para o dia seguinte (num prato coberto em papel, longe do ar, ficam boas até ao dia seguinte) ou partilhar com alguém.
Ingredientes:
1 banana cortada em rodelas pequenas
1 ovo (gama L)
1 colher de sopa de sementes de linhaça
2 colheres de sopa de flocos de aveia
1 colher de chá de canela
1 a 2 colheres de sopa de pó proteico (Whey, sabor baunilha)
1 colher de café de azeite ou óleo de côco
Electrodomésticos:
Liquidificadora

A banana é, por natureza, um fruto nutritivo e doce, sendo que a canela e o pó proteico vão intensificar um pouco a doçura, pelo que não é preciso qualquer açúcar adicional. A canela também ajuda a acelerar o metabolismo! Já as sementes de linhaça têm imensos benefícios, que podem ler melhor aqui. A aveia, por sua vez, está carregada de fibra, zinco e antioxidantes, que ajudam a regular o trânsito intestinal, combater o mau colesterol, prevenir o envelhecimento e o aparecimento de várias doenças. Tem ainda boro, que é um mineral fantástico para os ossos. O ovo e o pó proteico vão proporcionar uma boa dose de proteínas, que ajudam a manter a massa magra e a produzir energia (o pó proteico pode ser encontrado em farmácias, lojas de suplementos e lojas de desporto, escolham um de variedade Whey e com poucos hidratos de carbono). Como podem ver esta receita está cheia de bons ingredientes!

Passo-a-passo:
1. Começar por ligar a máquina de waffles, para que vá aquecendo;
2. Adicionar os ingredientes na liquidificadora e ligar na potência máxima 2 ou 3 min para que fique uma "pasta";
3. Com um pincel de cozinha, espalhar o azeite/óleo de côco na máquina de waffles, para que os waffles não peguem;
4. Deitar a "pasta" obtida na máquina de waffles e deixar cozinhar até ficar dourado (2-3min);
5. Retirar com a ajuda de uma espátula e servir a gosto.
No caso de fazerem mais de um waffle, repetir a partir do passo 3.
E pronto, está feito o pequeno-almoço! Podem acompanhar com morangos e mel, por exemplo, se gostarem. Eu habitualmente acompanho também com chá verde. Não adicionem compotas ou outros doces que estraguem o que de saudável tem este pequeno-almoço :)
Qua | 15.01.14

Urban Decay Naked Flushed

Hoje tenho mais um review para vós, desta vez da paleta Naked Flushed, da Urban Decay. A Urban Decay tem a paleta Naked Basics, óptima para viajar e dispõe também da Flushed, com o mesmo tamanho compacto mas com um blush, um bronzer e um iluminador.
Tal como a Basics, a Flushed tem um espelho que ocupa toda a tampa, sendo óptima para a aplicação da maquilhagem. No entanto, em vez de ter uma textura tipo borracha, como a Basics, a embalagem tem uma textura plástica. Desastrada, deixei cair a paleta logo no dia em que a comprei, o que causou os danos que conseguem ver nos cantos. Bah!
As cores da paleta são bastante boas, em especial o bronzer, que não é muito escuro nem muito claro, dando um bom contorno ao rosto. No entanto, pode não funcionar para tons de pele muito escuros. O iluminador dá um glow muito bonito mas não tem demasiado glitter, dando um efeito natural. Já o blush, é bastante pigmentado e requer mão leve na sua aplicação, mas funciona para qualquer tom de pele.
Os pós são bastante suaves, sendo fáceis de aplicar, e duram bem na pele. Obviamente que, com a oleosidade natural da pele, vão perdendo um pouco a pigmentação, mas ainda assim aguentam-se decentemente até ao final do dia. O preço é convidativo, uma vez que por cerca de 26€ podem ter 3 produtos e é super prático ter todos os produtos necessários numa única paleta.
Na imagem acima podem ver a portabilidade desta paleta, o que é óptimo para quem viaja muito ou tem de se deslocar aos fins-de-semana. Se tiverem curiosidade em saber como usar esta paleta ao certo, podem visitar o meu tutorial de contorno, iluminador e blush aqui (podem fazer todas as etapas usando apenas este produto) e também ver-me usar esta paleta aqui. As interessadas podem adquirir a Naked Flushed da Urban Decay em qualquer Sephora ou aqui, por cerca de 26€.
Ter | 14.01.14

As minhas máscaras faciais preferidas

Como prometido no vídeo da minha rotina de pele, hoje venho falar-vos das minhas máscaras de rosto preferidas. As máscaras são importantes uma vez que proporcionam um cuidado mais aprofundado, dependendo da sua função podem purificar a pele, dar mais hidratação, mais firmeza, etc. Gosto de fazer uma máscara facial uma a duas vezes por semana e tenho usado algumas diferentes para diferentes necessidades. Como referi no vídeo, a minha pele é mista com tendência acneica, para além de ser atópica. Isto significa que é bastante sensível, pelo que não posso usar produtos muito agressivos.
Avène Cleanance (aprox 13€, 50mL). Tem como principais ingredientes zinco e abobrinha, conhecidos por ajudarem a regular a excessiva produção de sebo e por terem uma acção purificante. Tem ainda água termal, que ajuda a apaziguar a pele e evitar irritações ou secura extrema, que pode ocorrer devido aos tratamentos purificantes. O tempo de actuação desta máscara é de 5 minutos e ela é boa especialmente para controlar a oleosidade da pele. Pode ser encontrada em farmácias ou aqui.

Nuxe Aroma-Perfection Unclogging Thermo-Active Mask (aprox 18€, 40mL). A grande diferença desta máscara para outras do género é o facto de ser termo-activa e esfoliante. Ou seja, quando em contacto com a pele, aumenta um pouco a temperatura, abrindo os poros e permitindo que a máscara actue mais profundamente. Além disso, por ter pequenas partículas esfoliantes, quando a removem ajuda a esfoliar levemente a pele. Tenho um review completo desta máscara, que podem ler aqui se tiverem interesse em saber mais. Pode ser encontrada em farmácias.

LUSH Mask of Magnaminty (aprox 6€, 125gr ou aprox 11€, 315gr). Para usar com mais frequência, é sempre melhor uma máscara com mais ingredientes naturais e mais económica. Esta máscara tem extratos de ingredientes naturais como barro da china, feijões adzuki e semestes de prímula, que ajudam a purificar a pele, puxando a sujidade dos poros e esfoliando-a, enquanto o óleo de menta lhe confere frescura. Deixa-se actuar durante 5 a 10 minutos e retira-se com água morna. Notam-se resultados com poucas utilizações. Visto o prazo de validade ser mais curto, por não ter conservantes, convém usar com regularidade. Encontra-se à venda aqui.
Yves Rocher Healthy Glow Mask (aprox 4€, 50mL). Esta é uma máscara feita à base de extrato de romã, que ajuda a hidratar e dar luminosidade à pele. É fantástica para pele seca ou desidratada. Mesmo quem tem a pele oleosa pode usar esta máscara, já que devido à utilização de produtos purificantes, a pele pode ter tendência a ficar desidratada e sem um glow natural. É económica e actua rapidamente. Podem encomendar esta máscara aqui.
Habitualmente uso máscaras duas vezes por semana, como referi, usando uma vez por semana a Magnaminty e outra vez uma máscara que vá ao encontro das necessidades da minha pele nessa altura. Habitualmente gosto de as usar à noite, já que a pele tem mais tempo para respirar. E vocês, que máscaras gostam de usar?
Seg | 13.01.14

Guia 2014 #2: Como alcançar os teus objectivos

O post de hoje é a continuação do guia para 2014, desta vez sobre como alcançar os nossos objectivos. No início do ano todos fazemos resoluções, coisas que queremos mudar ou alcançar durante o ano, mas muitas dessas resoluções morrem na praia, sobretudo porque não temos um plano para as alcançar! Um projecto sem um plano é apenas um sonho. Assim, hoje venho dar-vos algumas dicas que talvez vos possam ajudar.
1. Primeiro que tudo é essencial ter resoluções/projectos que sejam alcançáveis! Se vamos fazer a resolução de, por exemplo, perder 50kg até ao Verão... provavelmente não vamos ter sucesso. Assim, é importante parar para pensar se esse objectivo é possível. Outro exemplo, se disser que não vou beber nenhum refrigerante o ano todo, posso estar a puxar um bocado o elástico, mas se disser por exemplo que não vou beber mais do que um refrigerante por mês, tenho mais alguma margem de manobra e estou igualmente a fazer algo de bom para mim, não tendo aquela pressão do nenhum.
2. Não é preciso ter uma lista de 20 coisas que queremos alcançar ou mudar em 2014. É importante pensar quais são os objectivos que realmente queremos atingir e que estamos preparadas para mudar na nossa vida. Mais vale ter 5 objectivos que realmente estamos prontas para "trabalhar em" do que 20 que provavelmente vamos esquecer ao longo do ano.
3. Arranjar um caderninho para manter ao longo do ano é importante. Este caderno vai servir para fazerem o vosso plano de objectivos e o plano individualizado para alcançar cada um dos objectivos. Podem levá-lo convosco para todo o lado e ir actualizando as vossas listas.
4. O que é que eu quero dizer com fazer uma lista dos objectivos? Por exemplo (elaborei uma lista simulada):
Para esta lista ocupem a primeira página do vosso caderno de objectivos. Dividam os objectivos em categorias, e em cada categoria ponham tudo o que querem alcançar, novamente de forma realista.
5. O que é que quero dizer com fazer um plano para alcançar um objectivo? Imaginemos que querem perder peso. Segundo as nutricionistas, o ideal será perder cerca de 0,5kg por semana (ou 2kg por mês), o que significa que podem perder até 24kg num ano, por exemplo!! Assim, aqui fica um exemplo de um plano para um objectivo do género:
Comecem por fazer a lista de objectivos do ponto anterior, depois para cada objectivo deixem uma página do caderninho onde possam escrever o vosso plano para alcançar esse objectivo. Neste plano devem constar semi-objectivos, ou seja, etapas que podem ir alcançando ao longo do ano a caminho de alcançar esse objectivo. Por cada etapa cumprida ao longo do ano colocam um certo, o que vos vai manter mais motivadas à medida que vão alcançando cada uma das etapas que definiram, ao contrário de um único objectivo a longo prazo, que irá demorar mais a ser atingido. Depois escrevam a lista de tudo o que podem fazer para alcançar esse objectivo, e novamente sejam realistas. É por esta lista que se devem guiar diariamente, de forma a que se mantenham a par do que têm a fazer ao longo do ano. Depois é importante definir uma data para alcançar esse objectivo, ter uma data impede-nos de procrastinar e ajuda a um melhor planeamento. Façam isto para cada um dos objectivos que têm.
6. Mantenham-se a par dos pequenos progressos que fazem diariamente para alcançar os vossos objectivos. Por exemplo, para perder peso podem optar por escrever passos fáceis de alcançar dia-a-dia, como usar as escadas em vez do elevador, fazer 10 minutos de caminhada todos os dias, enfim, coisas pequenas que realmente sabem que podem fazer todos os dias. Ao fim de cada dia pensem o que fizeram nesse dia e escrevam no mesmo caderno ou numa agenda. Ajuda-vos a perceber porque é que estão ou não estão a conseguir alcançar os vossos objectivos. E mantém a mente centrada naquilo que vocês querem alcançar!
7. Imaginar-te alcançando determinado objectivo, pensar o que mudaria na tua vida ao alcançares esse objectivo, etc, ajuda a manter a motivação. Muitas vezes a falta de motivação é o principal motivo que nos leva a desistir dos nossos objectivos. Assim, pensar na nossa vida futura ajuda a manter a motivação, tal como ler livros ou ouvir pessoas que nos inspirem, que nos ajudem a ter força por lutar pelo que queremos e a fazer mudanças na nossa vida.
8. Rodeia-te de pessoas que te apoiem, motivem e não vão num caminho oposto àquele que queres para ti. Quando temos menos vontade ou nos sentimos mais em baixo, ter pessoas que não nos apoiam ou que querem algo completamente incompatível com aquilo que queremos pode-nos fazer fugir completamente dos nossos objectivos. Pelo contrário, se tivermos pessoas à nossa volta que nos motivam, nos dão força e nos puxam para cima, vamos estar mais motivadas para lutar.
9. Fazer o que nos faz felizes durante, pelo menos, 15 minutos por dia. Principalmente para estudantes e pessoas que trabalham muitas horas por dia, é importante parar para fazer algo que nos deixa felizes e nos ajuda a aliviar a tensão. Pode ser brincar com os animais de estimação, ver vídeos no youtube, ouvir música, dançar, enfim! Algo que nos ajude a aliviar a tensão, a sentir uma maior felicidade e evitar ficar deprimido quando algo corre menos bem.
10. Permitir-nos a falhar e sentir tristeza. Todos nós, em alguma altura da nossa vida, vamos falhar, vamos sentir tristeza. E é importante aceitar isso, não temos de nos sentir obrigados a ser sempre os melhores, a estar sempre felizes. Aceitar isso faz-nos reconhecer que somos humanos, que não temos de viver sobre uma pressão constante. Muitas vezes ficamos deprimidos porque achamos que temos de fazer tudo bem, temos de ser perfeitos, e com tanta tensão acabamos por não conseguir seguir em frente, sentimos que falhamos, que somos horríveis e não conseguimos sair desse ciclo vicioso que nos está a impedir de avançar. Aceitar que falhar é normal e ser capaz de retomar o caminho ajuda-nos a alcançar os nossos objectivos.
11. Ser organizado, tanto no tempo como no espaço, é essencial para termos tempo no nosso dia-a-dia de trabalhar a favor dos nossos objectivos. Por cada minuto que perdemos à procura do estojo ou de uma camisola, por exemplo, é tempo que desperdiçamos do nosso dia. Assim, convido-vos a ler este post sobre como organizar o tempo e este post sobre como manter o vosso espaço organizado.
12. Manter uma rotina de sono adequada também é importante, se não trabalharmos nas horas mais produtivas do nosso dia, também será mais complicado alcançar o que desejamos. Por exemplo, eu funciono muito bem durante a manhã, então o meu objectivo é deitar-me mais cedo e levantar-me mais cedo, de forma a aproveitar o máximo possível da manhã, mas também a não dormir menos de 6 horas por dia. Se têm dificuldades em dormir, aconselho a verem este vídeo.
13. Por fim, é essencial ter força de vontade. Por muito que se planeie, se pense, etc, se não tivermos força de vontade não conseguimos alcançar nada. Ninguém nos pode vender ou oferecer força de vontade, ela depende exclusivamente de nós próprios.
Minhas queridas, estas são todas as dicas que tinha para partilhar convosco, espero que vos ajudem! Se tiverem mais dicas, por favor deixem nos comentários :) Desejo-vos um ano de muitos sucessos!
Sab | 11.01.14

Vencedoras dos últimos passatempos + aviso!

Novos produtos da Garnier para fazer review em breve :)

Olá minhas queridas! Quero começar por vos informar de que, até ao final do mês, apenas conseguirei publicar um vídeo por semana, ao contrário dos dois vídeos por semana a que estão habituadas. Isto porque me encontro em altura final de semestre, em que há imensas avaliações e exames, e preciso de me concentrar o máximo possível. Se tudo correr pelo melhor, no final do mês voltamos a ter dois vídeos por semana :) Agradeço desde já a vossa compreensão! Depois quero também anunciar as vencedoras dos últimos passatempos, que foram finalmente sorteadas ontem!!

Vencedora Passatempo Favoritos de Novembro:

 

Vencedora Passatempo de Natal:

Muito obrigada a todas as participantes e parabéns às vencedoras!! Agradeço às duas meninas que me enviem o nome e morada para envio do prémio para o e-mail prmodaebeleza@outlook.com, de forma a que os possa enviar :)
Há um novo passatempo a decorrer no blog, vejam aqui!