Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Moda e Beleza

by Cláudia Gusmão

Moda e Beleza

by Cláudia Gusmão

ACNE | CURAR INTERNAMENTE

internalacne.jpg

 Há pouco tempo partilhei convosco neste vídeo todas as dicas de como tratar o acne, tendo tocado ao de leve na parte interna do problema. Para complementar esse vídeo e vos dar mais algumas informações decidi escrever este post, com dicas de como tratar o problema de dentro para fora!

 

ALIMENTAÇÃO

 Como referi no vídeo, a alimentação pode ter um grande impacto na saúde da pele. Assim, algumas causas conhecidas de acne são:

1. Lacticínios. O leite de vaca e seus derivados têm bastantes hormonas presentes na composição, que podem influenciar as nossas próprias hormonas e levar ao aparecimento de acne. Pensa-se que o consumo de leite induz a IGF-1, que está associada à hiperproliferação celular (folículos ficam obstruídos) e ao crescimento de tumores. Eliminar os lacticínios da dieta funciona para muita gente!

2. Hidratos de carbono e açúcar refinado. Os hidratos de carbono brancos (pão branco, arroz branco, etc) provocam picos de insulina no organismo, que podem levar ao aumento da infecção e aparecimento de acne, sendo melhor substituí-los pela sua versão integral. O mesmo se aplica aos açúcares refinados (rebuçados, bolos, etc)!

3. Adoçantes artificiais (stevia, xilitol, etc). Os adoçantes artificiais desregulam a secreção de insulina, levando ao aumento da produção de cortisol, pensando-se que causam desregulação hormonal e, por consequência, provocam surtos acneicos. Será melhor trocá-los por açúcar de côco ou mel puro!

4. Suplementos proteicos (whey, barras proteicas, etc). O consumo diário de suplementos proteicos pode agravar o acne, verificando-se em muitos desportistas. Neste caso a melhor solução é optar por fontes proteicas mais naturais!

5. Frutos secos. Apesar de os frutos secos serem importantes para a pele devido à presença de gorduras saudáveis, a verdade é que muitas pessoas acabam por desenvolver alguma irritação na forma de acne (sobretudo aos amendoins e seus derivados).

6. Suplementos de vitamina B12. A vitamina B12 é um suplemento bastante importante para vegetarianos e vegans mas tem estado cada vez mais associada a surtos de acne, sobretudo se a dose for elevada. Mesmo a vitamina B12 presente nos multivitamínicos pode causar reacções adversas em algumas pessoas, pelo que nesse caso é melhor suspender a toma do suplemento e optar por fontes mais naturais.

7. Alimentos processados. Este tópico serve para abranger todas aquelas comidas processadas, fritos e fast food, que todos sabemos não serem o ideal para a nossa saúde nem para a nossa pele!

 É natural que nem todos sejamos sensíveis aos mesmos alimentos, mas talvez seja importante analisar quais destes alimentos consumimos com frequência e que podem ser a causa do acne. É importante referir que há outros problemas, como intolerâncias alimentares, desequilíbrio de bactérias no sistema digestivo, Síndrome do Ovário Poliquístico, etc, que podem estar na origem de alguns problemas de pele e que devem ser analisados por profissionais.

 Aumentar a ingestão de água (hidrata e elimina toxinas), de chá verde (antioxidante), sumos verdes (obtenção de vitaminas e minerais essenciais) e ácidos gordos essenciais (salmão, abacate, etc), bem como a prática regular de exercício físico (mais oxigenação celular, estimulação do sistema linfático e redução do stress) são hábitos que melhoram a condição global da pele.

 

SUPLEMENTOS

 Os suplementos podem dar uma grande ajuda na hora de cuidar da pele e combater o acne. Uma das causas mais comuns do acne é a desregulação hormonal e/ou a produção excessiva de DHT (androgénio). A pílula é habitualmente o método mais comum para o controlo hormonal, mas também há alguns suplementos que podem ajudar:

1. Maca - aqui. É uma erva natural com fins medicinais que ajuda a equilibrar o nível hormonal e por isso é benéfica em casos de acne, TPM, quistos, etc. Por ser rica em alcalóides, flavonóides e phytohormonas, acredita-se que é um estimulante natural do hipotálamo e da pituitária, que por sua vez irão estimular as glândulas endócrinas a produzir as hormonas necessárias à homeostasia no corpo humano.

2. Óleo de Onagra (Evening Primrose Oil) - aqui. O óleo de onagra é uma fonte de ácido gamalinolénico (GLA) - que se pensa ser um bloqueador da DHT - e de ómega 3 e 6. Este suplemento está indicado para equilibrar a produção hormonal, reduzir a inflamação e promover a saúde da pele, cabelo e unhas, sendo muito indicado em casas de acne, psoríase, eczema, alopécia, etc.

3. Zinco 50mg - aqui. O zinco é conhecido por ser antioxidante e promover a reparação dos tecidos, além de favorecer a síntese de colagénio no tecido ósseo. Habitualmente ajuda a reduzir a inflamação do acne e a reparar a pele, sendo um dos suplementos mais recomendados a pessoas com acne inflamatório.

4. L-Lisina - aqui. Este aminoácido tem sido considerado, nos últimos anos, o grande inimigo do acne, visto que muitas pessoas relatam uma melhoria muito significativa com o consumo de 1000mg a 1500mg diários. Sabe-se que ajuda com a produção de hormonas e enzimas e pensa-se que inibe a enzima responsável pela conversão da testosterona em DHT, tendo o mesmo efeito dos anti-androgénios (medicação), que são muito usados no controlo do herpes.

Estes suplementos são os mais utilizados para ajudar com o controlo do acne. Claro que ninguém pensará em tomar todos estes suplementos de uma vez, mas podem - com aconselhamento profissional - experimentar e ver com qual deles obtêm melhores resultados!

 

ANTIBIÓTICOS

 Como referi no vídeo, os antibióticos são muitas vezes utilizados no caso de acne inflamatório grave. Embora muitas vezes mostrem bons resultados, eu tentaria todas as outras opções antes de recorrer ao antibiótico, visto que destrói todas as bactérias - "as boas e as más" - e os probióticos são essenciais para o bom funcionamento do organismo. No caso da toma de antibióticos, seria bom depois compensar com a toma de probióticos, para reestabelecer a flora saudável, pelo que recomendo aconselharem-se com o vosso médico sobre isso.

 

Espero que estas dicas ajudem e complementem o vídeo que já tinha feito! Se tiverem alguma dúvida ou quiserem partilhar a vossa experiência, por favor deixem um comentário :)

Benefícios da Água Morna com Limão

lemonwater.jpg

 Certamente já ouviram o conselho de tomar água morna com limão em jejum! A verdade é que este hábito simples e rápido pode trazer muitos benefícios para a saúde:

1. Melhora a digestão, uma vez que ajuda a eliminar toxinas e alivia os sintomas de indigestão;

2. Melhora o sistema imunitário, devido à vitamina C e potássio presentes no limão;

3. Desentoxica o organismo, uma vez que é um diurético natural;

4. Equilibra o pH, devido às suas propriedades alcalinas, o que reduz a inflamação;

5. Acalma o acne, uma vez que tem vitamina C e a sua natureza alcalina ajuda a eliminar bactérias;

6. Ajuda na perda de peso, uma vez que o limão é rico em pectina, que ajuda a controlar o apetite;

7. Dá energia, devido à presença de iões carregados negativamente, o que também ajuda com a ansiedade;

8. Promove a cicatrização de feridas e fortalece os ossos, tendões e cartilagens, devido ao ácido ascórbico;

9. Refresca o hálito e ajuda a reduzir a dor de dentes. No entanto, pode provocar a erosão do esmalte, pelo que convém lavar os dentes antes de tomar qualquer bebida com limão (e não depois).

10. Hidrata, uma vez que é mais uma dose de água que acrescentamos ao dia!

 

 Se quiserem experimentar todos estes benefícios, basta espremer meio limão num copo de água morna e beber todas as manhãs em jejum. Como é óbvio, tudo leva o seu tempo a mostrar efeito, mas é um hábito que não custa nada! Costumam beber água morna com limão?

Como não engordar no Natal? | Blogmas #16

natal.png

  O Natal é a altura do ano em que mais tentações nos são mostradas. Pessoalmente, abro um pouco de excepção nesta altura do ano, especialmente no dia da Consoada, visto que é mesmo só uma vez no ano. No entanto, é importante ter cuidado nesta quadra, de forma a não arruinar o trabalho do resto do ano. Aqui vos deixo algumas dicas:

  • Evita comer os doces de Natal antes do dia da Consoada. Os doces começam a aparecer muito antes do dia da festa, pelo que pode ser uma tentação antes de tempo à qual deves tentar resistir.
  • Nesta altura aumenta a duração ou a frequência do exercício, de forma a queimar algumas calorias extra.
  • Aumenta o consumo de chá verde, bebendo cerca de 1 litro ao longo do dia, visto que acelera o metabolismo e mantém o corpo hidratado.
  • Anota tudo o que comes. É fácil esquecermos o que já comemos ao longo do dia e está provado que muita gente chega a consumir 2000 calorias a mais só em doces e sobremesas, por isso se tiveres uma aplicação no telemóvel ou um bloco de notas onde possas apontar o que comes ao longo do dia terás mais facilidade em controlar os excessos.
  • Come todas as sobremesas que quiseres, mas em quantidade limitada. Pega num prato de sobremesa e enche o prato com os doces que quiseres. Podes comer um bocadinho de cada doce, mas não deves comer mais do que um prato de sobremesa no total de tudo o que comeres.
  • Foge das entradas. Muitas vezes antes das refeições há entradas como pão, manteiga, azeitonas, etc, que podem adicionar bastantes calorias. Guarda as calorias extra para a sobremesa!
  • Se fores tu a cozinhar as sobremesas corta no açúcar das receitas. A maioria das receitas têm mais açúcar do que o necessário, pelo que podes cortar 30 a 50% da quantidade de açúcar recomendada.
  • Não fiques sentada à mesa depois do fim da refeição. Ficar à mesa aumenta a tentação de comer os doces que sobraram o que, já se sabe, significa mais calorias!

 Estas são as minhas dicas para evitar que os ponteiros da balança subam. No entanto, se quiserem comer tudo o que vos apetecer sem pensar nos quilos a mais, embora não seja o mais saudável, não têm de se sentir mal com isso. Mas lembrem-se que depois do Natal vão ter trabalho redobrado para perder os quilitos a mais!

Haul de alimentação saudável (Celeiro e Continente)

Olá meninas, aqui vos trago as últimas compras que fiz em alimentação saudável :)
Vídeo que referi: https://www.youtube.com/watch?v=8raEnJ6iUEQ

Obrigada por assistirem :)
PS: este vídeo seria de ontem, mas cheguei a casa exausta e acabei por adormecer, pelo que só o consegui publicar hoje, peço desculpa!!

Näkd Bars - snack saudável

Muitas vezes recebo perguntas aqui no blog sobre snacks que sejam fáceis de transportar, enquanto saborosos e saudáveis, e sei que muitas leitoras são fãs de barras de cereais. A verdade é que a grande maioria das barras de cereais disponíveis nos supermercados estão carregadas de açúcar e ingredientes duvidosos. Segundo as meninas do Tone It Up, as melhores barras são aquelas que não contêm açúcar adicionado, lactose nem trigo, o que é muito difícil de encontrar. Durante a minha pesquisa, descobri as Näked Bars.
Estas barritas são especialmente saudáveis porque são 100% Vegan, não têm açúcar adicionado nem outros ingredientes indesejáveis e algumas são também sem gluten. Na embalagem podem também ver quantas dessas barritas podem comer por dia, sendo 5 no caso da barra da imagem. Apesar disso, não costumo comer mais do que uma, já que é para um snack rápido.
A textura das barritas é ligeiramente diferente das barras a que estamos habituadas, mas é segundo o antigo ditado "primeiro estranha-se, depois entranha-se". Os sabores disponíveis também são muito originais, havendo barritas de chocolate, de amora, de gengibre, laranja-chocolate, mentol-chocolate, enfim. Ainda não encontrei estas barritas à venda nos hipermercados, mas costumo encomendá-las do Amazon, aqui. O preço acaba por rondar o mesmo das barritas mais famosas de hipermercado.
No entanto, sei que muitas de vocês podem estar na dúvida quanto a encomendar estas barritas, pois não sabem se são boas, se vão gostar, enfim. Assim, e porque eu quero que as minhas leitoras cuidem da sua alimentação, decidi fazer um passatempo especial, onde vai haver 12 vencedoras!
Haverá uma vencedora no 1º lugar, uma no 2º lugar e 10 no 3º lugar, que vão receber os prémios indicados na imagem, compostos por barritas de vários sabores. Para participar só terão de:
1ª Entrada (Obrigatória):
Deixar um comentário neste post com sugestões de posts para a Primavera.
2ª Entrada (Opcional):
Gostar do Moda&Beleza no Facebook, aqui. Deixar outro comentário neste post dizendo "Gosto do Moda&Beleza no Facebook, o meu nome de seguidora é...".
Podem participar até 18 de Janeiro e as vencedoras serão decididas por sorteio. Boa sorte!
Nota: os comentários deste post deverão apenas estar relacionados com o passatempo pfv.

Como cuidar a pele atópica

Recebo imensas perguntas de leitoras relativas à pele atópica. Desde criança que tenho pele atópica, pelo que achei que poderia fazer uma exposição sobre o que fui aprendendo ao longo dos anos. Não sou dermatologista, pelo que acho sempre essencial que consultem um dermatologista, até porque muitas vezes é necessária medicação. 
A pele atópica é uma pele que se caracteriza por ter uma composição anormal das camadas superficiais da pele, com falta de determinado tipo de gorduras, o que torna a pele mais seca e a função de defesa e de barreira deficiente. Esta deficiência determina, também, uma maior sensibilidade e reactividade a agentes externos que ocasionam respostas inflamatórias. Normalmente estas respostas apresentam-se sob a forma de dermatite atópica/eczema, podendo ser mais ou menos grave. Muitas vezes estas lesões provocam imensa comichão e descamação da pele, bem como vermelhidões.
A dermatite atópica costuma aparecer no primeiro ano de vida e diminui a incidência a partir dos 7/10 anos. O paciente pode não ter manifestações da doença durante a vida adulta, mas continua sempre a apresentar uma pele mais seca e extremamente reactiva. Os sintomas podem apresentar-se em todo o corpo, rosto e couro cabeludo.
Há diversos cuidados essenciais a ter com a pele atópica:
- Não tomar banho com água muito quente, que aumenta a secura da pele;
- Usar produtos de limpeza suaves, nomeadamente produtos sem sabão para o duche;
- Todos os produtos que entram em contacto directo com a pele, como gel de duche, champô, hidratante, etc, devem ter fórmulas ricas em ingredientes hidratantes, evitando químicos fortes;
- Os produtos naturais/orgânicos são boas opções para pessoas com pele atópica;
- Os cremes hidratantes devem ser sem perfume e relativamente gordurosos, para compensar a falha de gordura da pele;
- O creme hidratante deve ser aplicado, pelo menos, 2 vezes por dia, sendo que alguns pacientes sentem necessidade de aplicar 4 a 5 vezes por dia;
- Durante uma crise atópica o ideal será consultar um especialista, uma vez que normalmente é necessário recorrer a anti-histamínicos.
...
Estes são os cuidados básicos que devo recomendar, como sabem os produtos por cada pessoa utilizados devem ser avaliados por alguém com conhecimento nesta área, mas se quiserem posso fazer um post sobre os produtos que utilizo pessoalmente.

A Blogger

Cláudia, estudante de dia e blogger de noite! Bem-vinda(o) ao meu cantinho!

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pinterest

YouTube

Instagram

@claudiagusmao

Facebook

Lojas Online

SweetCare® - Saúde, Beleza e Cosmética