Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Moda e Beleza

by Cláudia Gusmão since 2006

Moda e Beleza

by Cláudia Gusmão since 2006

PRODUTOS QUE ME ARREPENDO DE COMPRAR #5

Olá princesas! No vídeo de hoje falo-vos de alguns produtos que me arrependi de comprar nos últimos tempos!

 

RETINOL VS TRETINOÍNA: http://modaebeleza.com.pt/retinol-vs-tretinoina-823912 
BLEMISH + AGE DEFENSE: http://modaebeleza.com.pt/review-skinceuticals-blemish-age-815966 

 

 Obrigada por assistirem :) Já experimentaram algum destes produtos? O que acharam?

AVÈNE COUVRANCE | BASE COMPACTA VS BASE FLUIDA

couvrancepic.jpg

 Desde que vos tenho falado das bases Couvrance da Avène para pele acneica e sensível, que tenho recebido várias perguntas sobre a diferença entre a base compacta e a base fluida, pelo que decidi hoje fazer este post dedicado a elas. 

 As semelhanças entre estas bases são muitas: hipoalergénicas, não comedogénicas, sem óleo, sem perfume, sem parabenos, etc. Ambas rondam os 20€ e estão disponíveis em farmácias ou aqui, habitualmente com desconto. Mas quais são as diferenças?

 A base Couvrance Compacta Oil-Free tem SPF 30 e uma cobertura média a alta, o que a torna boa para quem ainda tem manchas de acne ou, inclusivé, acne ativo, já que permite uma maior correção (podem ver-me a aplicar esta base aqui). A textura é um creme nada gorduroso, que permite um acabamento mate natural. É resistente à transpiração e à oleosidade, devido à presença de caulino na fórmula, pelo que dura muito tempo na pele. Tem tendência a realçar as zonas mais secas ou escamativas, devido ao acabamento mate. Também encontram esta base na formulação Conforto, igualmente apta para peles sensíveis, mas secas.

 A base Couvrance Fluida tem SPF 15 e uma cobertura leve, que dá um efeito muito natural na pele sem obstruir os poros. É ótima para quem tem a pele sensível e mista/oleosa e/ou acneica, mas não tem muita necessidade de cobertura, já que ela é quase como um BB cream. Tem vitamina E com efeito antioxidante, dando uma ligeira proteção contra os radicais livres a que estamos expostas diariamente. Esta textura é mais emoliente e leve do que a compacta, pelo que a duração na pele não é tão longa, mas é fantástica para um resultado mais natural, tipo no makeup makeup.

 Ambas são próprias para peles mistas a oleosas, não deixando a pele gordurosa. No entanto, eu gosto sempre de as fixar com um pó translúcido, para prolongar a sua duração - o  Couvrance Translúcido é uma boa opção para quem tem a pele sensível. A base compacta tem um SPF superior, mas eu não me fio na proteção dada por uma base, pois não aplicamos quantidade suficiente de produto para realmente conseguir o nível de proteção indicado. Ainda assim, é sempre bom ter mais algum SPF!

 Espero ter-me expressado quanto às diferenças entre estas bases, prometo em breve fazer um vídeo onde aplico a fluida! Se tiverem alguma dúvida por favor deixem um comentário :)

Bioderma Hydrabio Crème

IMG_9406.jpg

 Por aqui já devem conhecer o meu gosto por cremes simples, que garantem a hidratação da pele sem grandes floreados. Foi com base nisso que decidi experimentar o Bioderma Hydrabio Crème, um creme super emoliente indicado para peles desidratadas secas a muito secas. Embora tenha a pele mista, por vezes gosto de usar um creme mais rico para ajudar a equilibrar a hidratação, pelo que este da Bioderma me pareceu uma boa opção.

 A fórmula do Hydrabio Crème está enriquecida com glicerina, dimethicone e uma forma de ácido hialurónico, que garantem a hidratação da pele. Contém ainda vitamina PP e extrato de sementes de maçã, que estimulam a produção de aquaporinas - canais de transporte de água - e aumentam a capacidade de retenção de água. A vitamina E actua como ligeiro antioxidante, ajudando a prevenir o envelhecimento cutâneo - embora qualquer pele hidratada pareça mais jovem, pois evita as rugas de desidratação.

 A fórmula em creme é bastante emoliente e algo espessa mas não gordurosa nem colante, deixando a pele hidratada mas sem uma sensação de peso e/ou oleosidade. Algo que adoro neste creme é que não contém óleo mineral, que está presente em muitos cremes deste género e é contra-indicado para peles acneicas e/ou oleosas, e é não comedogénico. Na fórmula vão encontrar perfume como último ingrediente, sendo a fragrância do creme bastante leve, pelo que não acredito que cause irritação.

 Este creme é óptimo para quem tiver a pele seca/muito seca ou para quem tiver a pele normal/mista/oleosa e não goste de usar séruns ou óleos, pois garante mais alguma hidratação. Tendo a pele mista, eu prefiro usá-lo à noite, embora se não usar maquilhagem durante o dia também não ache este creme demasiado pesado, se o combinar com maquilhagem - sobretudo com base líquida - já acho que fique algo pesado numa pele mista/oleosa durante o dia. Para quem tiver a pele bastante desconfortável ou seca durante o Inverno este creme será, sem dúvida, excelente pois cria uma barreira protectora. Também é óptimo a aliviar zonas muito secas ou descamativas derivadas de eczema/psoríase ou tratamentos de pele abrasivos, como a tretinoína ou o peróxido de benzoílo. Atenção que não é preciso usar muita quantidade de produto!

 Tenho gostado bastante de usar este produto à noite e tenho a certeza que lhe darei ainda mais uso durante o Inverno, quando a pele precisar de hidratação extra. Fiquei também bastante curiosa em experimentar o gel, que tem uma formulação mais leve. Quando o fizer dir-vos-ei o que achei dele! 

 Encontram este creme em farmácias ou aqui - muitas vezes com desconto - por cerca de 17€ (50ml).

TOP 3 BASES DE SUPERMERCADO

baseshipermercado.jpg

  Tenho recebido cada vez mais perguntas sobre as maquilhagens de supermercado e portanto achei que seria interessante fazer alguns reviews e comparações! Hoje venho falar-vos das minhas 3 bases favoritas do supermercado, pois cada uma tem as suas características e serve um propósito!

baseshipermrcado3.jpg

L'Oréal Paris Accord Parfait (17,99€ em supermercados / 11,75€ aqui - 30ml)

 A reformulada Accord Parfait é talvez a base mais famosa do supermercado e com boas razões! É uma base de cobertura média e acabamento acetinado que dá um ar saudável ao rosto. A reformulação deixou-a ligeiramente mais hidratante, sendo indicada para todos os tipos de pele. Ainda assim eu recomendo-a mais para peles normais a mistas. A minha pele é mista durante quase todo o ano e mais oleosa no Verão, pelo que esta é uma base a que dou mais uso durante os meses frios, adoro o acabamento natural. Também fica muito bonita em peles maduras, pois não enfatiza as rugas nem fica demasiado pesada. Dura bem o dia todo, tendo apenas de ser ligeiramente matificada ao longo do dia na zona T. Está disponível em 3 subtons - quente (W), frio (R) e neutro (N) - e vários tons em cada subtom, o que é raro para uma base de supermercado. No entanto, na maioria dos supermercados só se consegue encontrar meia dúzia de tons (buh!), sendo possível encontrar mais em lojas online. A embalagem é de vidro e tem pump, sendo bastante luxuosa e prática.

baseshipermercado4.jpg

 L'Oréal Paris Infallible 24H Matte (13,99€ em supermercados / 8,95€ aqui - 35ml)

 A L'Oréal repete a graça e lança mais uma base de sucesso, a Infallibe Matte. Esta base tem uma cobertura alta e acabamento mate. Das bases que vos falo hoje, esta é sem dúvida a que tem mais cobertura e que fica mate por mais tempo. A perlite presente na composição faz com que absorva o óleo que vai sendo produzido, pelo que aplico-a de manhã com uma camada leve de pó translúcido e não tenho que me preocupar o dia todo. Gosto de a aplicar com a Beauty Blender, pois noto que fica um efeito mais suave na pele - embora ela não seja muito pesada, eu já não estou habituada a bases de cobertura alta, pelo que prefiro dar-lhes um acabamento mais natural. Não a recomendo a ninguém com pele seca ou descamativa, pois tende a agarrar em qualquer zona mais seca ou rugas/linhas de expressão. No entanto, há uma fórmula desta base para peles normais a secas ou maduras, que encontram aqui. Não está disponível em tantos tons como a Accord Parfait e a variedade no supermercado também não é muita, mas online encontram-se mais tons, sendo também diferente a seleção de tons em lojas diferentes - encontram alguns aqui e mais alguns aqui. É preciso atenção ao ler o nome da cor, pois as que têm "rose" no nome são mais rosadas (frias) e as restantes são mais neutras.

baseshipermercado5.jpg

 Maybelline Fit me! Matte + Poreless (9,99€ em supermercados / 5,95€ aqui - 30ml)

 A linha Fit me! da Maybelline sempre foi das minhas favoritas do supermercado, pelo que fique bastante entusiasmada quando vi que finalmente tinha chegado a Portugal a Matte + Poreless, já que sempre achei a original um pouco pesada para peles mistas/oleosas. Das 3 bases que vos falo hoje esta é a mais fluida e a que tem menos cobertura. A pele não fica 100% mate mas também não fica brilhante, dando um ar natural. Os poros não são realçados, mas também não diria que os reduz - o que se consegue obter muito melhor com um primer indicado. Não dura tanto tempo como a Infallibe Matte e também não aguenta tão bem a oleosidade, mas é uma base mais leve e não se sente na pele. No Inverno, com os dias chuvosos e frios, tende a desaparecer mais rapidamente ou a deixar transparecer zonas que fiquem mais avermelhadas. Ainda assim, aliando a cobertura leve ao acabamento semi-mate, esta base tem um acabamento natural para o dia-a-dia que muitas pessoas vão gostar. De referir que esta base tem parabenos, caso evitem parabenos esta não será, então, uma opção.

baseshipermercado2.jpg

  Agora que vos falei da textura e acabamento de cada base, vamos falar de tons. Eu tenho a pele clara mas de tom quente (amarelado), o que é uma combinação algo complexa, difícil de encontrar no hipermercado (geralmente no hipermercado os tons claros são rosados e os tons escuros são amarelados). Para referência uso o tom NC20 na MAC (NC15 se a base oxidar).

  • A linha Fit me! sempre foi das que disponibilizou mais bases de tom amarelado, mas na minha opinião continuam a não ser claras o suficiente - a cor que tenho (115 - Ivory) é amarelada mas ligeiramente mais escura que o meu tom de pele pois oxida um pouco quando se aplica - como podem observar na imagem. Assim, torna-se uma opção de transição Verão/Outono para mim, não a consigo usar no Inverno. 
  • Na base Accord Parfait tenho o tom 2N (Vanilla). Apesar desta base estar disponível em vários subtons, como já referi, só consigo encontrar os tons neutros e frios para venda, nunca os quentes. Assim, acabei por escolher o tom neutro. Apesar de o 2N ser um tom neutro em teoria, a verdade é que ele tem um fundo amarelado e é perfeito para o meu tom de pele. Tinha anteriormente comprado o tom 1N mas era muito claro. Posto isto, nesta base encontram-se tons para peles bastante claras.
  • Na base Infallible Matte tenho o tom 11 (Vanilla), que é o segundo mais claro - também nesta base se encontram tons para peles muito claras (10 - Porcelain), nesse aspeto a L'Oréal fica a ganhar. Apesar de ambos os tons que tenho das bases L'Oréal serem a cor "Vanilla", a verdade é que eles são bastante diferentes, como conseguem ver na foto. O subtom da base Infallible é sem dúvida mais neutro, mas não demasiado rosado, pelo que não me deixa um aspeto de máscara.

 

 Espero que tenham gostado deste review e vos tenha sido útil :) Se tiverem opiniões sobre estas bases por favor deixem nos comentários, pois todos temos uma pele diferente e é muito útil ver diferentes reviews!

A Blogger

Cláudia, biomédica de dia e blogger de noite! Bem-vinda(o) ao meu cantinho!

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pinterest

YouTube

Instagram

@claudiagusmao

Facebook

Lojas