Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Moda e Beleza

by Cláudia Gusmão

Moda e Beleza

by Cláudia Gusmão

WORKWEAR | OS BÁSICOS

workwearcollage.jpg

  Recentemente recebi um comentário de uma leitora que estava "desesperada" porque ia começar um estágio em breve e não sabia o que deveria vestir, nem como começar um roupeiro de trabalho, pois habitualmente tem um estilo mais casual. Assim, hoje decidi fazer uma lista de peças que são essenciais para quem começa a trabalhar. Estamos em época de saldos, pelo que será a altura ideal para procurarem algumas peças a preços mais acessíveis! Nunca se esqueçam que cada local de trabalho tem as suas regras e é importante averiguá-las antes de investir em algumas peças. No geral, hoje vou sugerir-vos um look elegante e jovem!

workwear.jpg

Todas as peças são da H&M, excepto a saia, que é da Zara.

PEÇAS EXTERIORES

 Estas peças devem ter a melhor qualidade e corte possível, visto que provavelmente as vão repetir diariamente. É importante que fiquem que nem uma luva e que o corte se mantenha ao longo do tempo. Para casacos, eu investiria num casaco comprido de corte elegante (este da H&M, a 50€, é um achado!) e num blazer ou casaco peplum que possam usar por baixo do outro ou sozinho na Primavera. No caso do calçado, é essencial que seja confortável, pois vão usá-lo durante muitas horas. Alguns locais de trabalho menos formais permitem o uso de sabrinas, o que será uma boa opção se não gostarem de saltos. O calçado preto é sempre uma boa opção, mas podem também investir num par nude a pensar na Primavera. Quanto à carteira, eu escolheria uma de linhas direitas, de preferência estruturada visto que mantém a sua elegância ao longo do tempo, e onde consigam guardar tudo o que precisam.

PEÇAS INFERIORES

 Manter as peças inferiores de corte e cores simples é uma mais valia para quem está a começar um roupeiro de trabalho, já que poucas peças vão permitir múltiplas combinações. Eu escolheria pelo menos dois pares de calças, umas pretas e outras cinza (para que não sejam sempre iguais) e de futuro adicionaria umas brancas e/ou azuis (a pensar nos meses quentes). Alguns locais permitem o uso de ganga escura, o que também seria uma boa ideia. Escolham calças de linhas simples e que assentem bem (nem apertadas nem largas) e, se tiverem opção, escolham uma cintura ligeiramente subida, pois dá uma silhueta mais elegante. Uma saia também é uma excelente ideia para um visual mais feminino e as saias midi em pele estão super em voga! Para os meses quentes eu adicionaria uma saia do mesmo corte mas em branco, por exemplo. Os vestidos são uma peça opcional, mas eu optaria por ter um ou dois que conseguisse facilmente usar tanto no dia-a-dia como para um jantar, por exemplo.

PEÇAS SUPERIORES

 Nas peças superiores, e pensando que investiram em peças exteriores e inferiores de cortes elegantes e tons neutros, podem investir em blusas com alguma cor ou padrão, de forma a dar mais vida ao visual. Visto que as blusas têm geralmente preços mais acessíveis do que as restantes peças do roupeiro, será mais fácil ter alguma variedade aqui. Pessoalmente adoro blusas em crepe, viscose, poliéster, etc, pois têm cortes mais elegantes sem serem dispendiosas e podem facilmente transitá-las entre estações - no Inverno adicionam uma camisola básica por baixo e na Primavera usam sem nada, por exemplo! Os cortes em A são muito bons, pois disfarçam qualquer gordurinha e ao mesmo tempo são confortáveis e elegantes. Também podem, obviamente, investir em camisas propriamente ditas, mas para quem está a começar pode ser mais difícil fazer a transição das mesmas entre estações.

 

Espero que estas dicas ajudem, se quiserem adicionar algumas deixem um comentário :)

A Blogger

Cláudia, estudante de dia e blogger de noite! Bem-vinda(o) ao meu cantinho!

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pinterest

YouTube

Instagram

@claudiagusmao

Facebook