Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Moda e Beleza

by Cláudia Gusmão

Moda e Beleza

by Cláudia Gusmão

E quando alguém tem algo igual a ti?

Quantas vezes não ficamos super chateadas porque vemos alguém com uma camisola igual 'aquela' que escolhemos com tanto carinho? Ou 'aquelas' calças que queriamos só para nós? Mas a realidade não é bem essa.. as coisas estão à venda, muitas vezes a preços bastante acessíveis.. e todos os dias nos cruzamos com alguém que tem coisas iguais às nossas! Ficas logo com os cabelos em pé? Não é preciso! O que fazer? É simples. Tu não podes 'proibir' as pessoas de ter roupas ou acessórios iguais aos teus.. também não vais deixar de os usar só por causa disso.. então o truque é ser original! Observa como as pessoas que te rodeiam usam as coisas.. e inova! Por vezes um cinto numas calças, ou para dentro das botas, ou a camisola com algo por cima... faz toda a diferença, e certamente ninguém andará igual a ti... porque as tuas peças serão usadas com um estilo só teu! ;D

Faça-se luz! Um post que fará milagres ao teu cabelo!

O brilho é a marca de um cabelo saudável e reflecte mais do que a luminosidade ambiente - é também o reflexo do estado da cutícula que envolve cada fio. Se este revestimento, que é constituido por minúsculas escamas sobrepostas como telhas de um telhado, estiver em bom estado, a superfície dos fios é lisinha e reflecte perfeitamente a luz... o pior é quando essa superfície se detriora... O brilho consegue-se, mantém-se e felizmente recupera-se com os produtos certos e meia dúzia de gestos precisos... mas delicados! Toma nota!

 

1º Passo - Lavar para brilhar

Tudo começa com a escolha do champô, que deve ser adequado ao teu tipo de cabelo. Mas a coisa mais importante é mesmo a técnica de lavagem e enxaguamento. Muitas pessoas que se queixam de ter o cabelo baço tem-no simplesmente empastado de restos de champô. Deita o produto na palma da mão, dilui com um pouco de água, e massaja suavemente sobre o cabelo já bem molhado. Em matéria de quantidade, basta o equivalente a uma colher (de café se o cabelo é fino, de chá se é espesso) por cada palmo de comprimento do cabelo. Lava de cima para baixo, massajando mais o couro cabeludo e sem levantar o cabelo todo para o alto da cabeça, para não esfregar demasiado os fios uns nos outros. Enxagua muito bem.

 

2º Passo - Alimentar para reluzir

Tendo em conta o papel fundamental que o estado de saúde do cabelo desempenha no seu aspecto, facilmente se percebe que os fios têm de ser protegidos e os danos restaurados para que a sua superfície esteja uniforme e reflicta luz. E, para isso, ainda não se inventou nada melhor que os condicionadores e as máscaras. Todos os cabelos precisam de um ou de outro, para hidratar e nutrir em profundidade. Mesmo os cabelos mais finos e até os oleosos, desde que tenham mais de um palmo e meio de comprimento, devem usar condicionador em cada lavagem, tendo o cuidado de escolher o que se adequa ao teu tipo de cabelo. Porquê? Pensa bem: o cabelo cresce 1 cm por mês, o que significa que, num cabelo pelos ombros, as pontas têm quase três anos de idade, já foram lavadas, secas, escovadas, talvez pintadas, permanentadas ou descoloradas centenas de vezes... onde é que já vai a pobre da cutícula! O segredo é escolher o produto e a respectiva textura em função da espessura e tipo de cabelo e aplicá-lo apenas onde é necessário. Ou seja: os cabelos finos usarão condicionador do meio do cabelo para baixo, os espessos e os secos aplicarão condicionador em todo o cabelo e os danificados aplicarão máscara em cada lavagem, em vez de condicionador, nas zonas mais necessitadas! Em geral os condicionadores não precisam de pose, mas podes deixá-los actuar enquanto lavas o corpo. Quanto às máscaras, deixa-as entre 2 e 5 minutos, mas, de vez em quando, tens tudo a ganhar se a mantiveres um bom quarto de hora. Se o teu cabelo é muito seco ou estragado, podes até fazer um turbante de papel de alumínio ou filme plástico transparente, para ajudar o produto e penetrar melhor!

 

3º Passo - Enxaguar para resplandescer

No final da lavagem, vem o passo fundamental para conseguir um cabelo ultrabrilhante: o enxaguamento. Fala-se da água fria, mas tão importante como a temperatura da água é o tempo que se investe a enxaguar: pelo menos 30 segundos, idealmente 1 min. E então depois sim, o jacto de água fria para fechar os poros!

 

4º Passo - Puxar o lustro!

No que diz respeito ao cabelo, é exactamente o posto do gesto que se faz para os sapatos. Se queres que ele fique a brilhar, nada de esfregar com a toalha para cima e para baixo. Mas tem de enxugar o excesso de água, porque se os fios estiverem empapados quando começam a secar (seja ao ar livre ou ao secador), a cutícula vai abrir - o que, como já vimos, significa superfíce irregular e menos brilho. Portanto vivam as toalhas fofinhas e superabsorventes, simplesmente 'apertadas' em volta do cabelo para lhe retirar o excesso de água com um mínimo de perturbação da cutícula!

 

5º Passo - Secar sem embaciar

Também ficas irritada quando secas o cabelo em casa e ele nunca fica tão lisinho e brilhante como no cabeleireiro? Mas vais deixar de ter razão para isso porque o truque fica aqui desvendado! Primeiro, as ferramentas: para um resultado profissional, o secador e a escova têm de estar a esse nível! Todas as grandes marcas fazem secadores fantásticos, potentes, e até nos hipermercados se pode encontrar - compra o melhor que a tua bolsa permitir, é um ivestimento. Uma boa opção é comprar um secador com tecnologia iónica (que 'vaporiza' o cabelo com um fluxo de iões negativos antiestáticos para fechar a cutícula). Quanto à escova, as escovas da Marlies Möller, que encontras nas perfumarias que vendem a marca, e tens igualmente uma excelente selecção nas lojas RR Center. Também aqui deves investir, porque se a mantiveres limpa e bem cuidada, uma escova dura uma vida. Se não vives sem um alisador, compra sempre um que tenha placas de cerâmica ou equivalente, que dá mais brilho e danifica menos o cabelo. Uma vez munida de apetrechos à altura, o gesto é tudo! Usa sempre o secador com o 'bico de pato', e aponta-o para cima, nunca de frente ou de baixo para a escova. E mantém uma temperatura média: o calor excessivo faz à cutícula do cabelo o mesmo que o sol faz à pintura dos caixilhos de madeira das janelas... não há brilho que sobreviva!

 

6º Passo - Os produtos certos

Hoje em dia, no mercado, temos à disposição centenas de produtos, muitos que prometem infinitas coisas, custam um dinheirão, mas no fim... o resultado não é esperado! O truque nem sempre é comprar caro, mas sim comprar bom! Não é por usares uma carrada de produtos ou grandes quantidades que o teu cabelo estará mais brilhante e macio! Começa com muito pouco e depois, se necessário, acrescenta mais. Se exagerares o cabelo ficará empastado e baço! Lembra-te sempre: menos é mais! Aqui fica uma selecção de produtos:

 

 

 

1. Champô Elvive Nutri Gloss Light, 3,75€ da L'Oréal. Dá muito brilho ao cabelo, e a nova tentura light deixa-o leve e solto durante mais tempo.

 2. Condicionador Control Freak, 22,45€ da Bed Head, que diminui o frisado, aumentando o brilho.

 3. Máscara Beauty Care Veludo e Brilho, 5,50€ da Nivea Hair Care, hidrata em profundidade e proporciona um brilho espelho!

 4. Crytal Gloss Tecni.art, 11,70€ da L'Oréal Professionnel, mantém o brilho e o alisamento do cabelo que tende a escrespar com a humidade!

Novo look furor!

Já está disponível um novo look furor, espero que gostem :)

Quanto às perguntas, por enquanto vai ser um pouco complicado responder, porque já tenho aulas e torna-se mais difícil, algumas vou respondendo em posts, a todas as outras peço desculpa o tempo de espera!

O must da originalidade!

 O que têm de comum Nicole Richie, Ashley Simpson, Siena Miller, Ashley Olsen, Mary-Kate Olsen ou Hilary Duff? É simples... ambas conseguem marcar o seu estio, e criar tendências por onde quer que passam. E porquê? Porque são originais e adaptam a moda a si próprias, não se importam com o que dizem, e acabam por espalhar o seu estilo. Aqui ficam uns truques... 

1. Procura acessórios diferentes. Por vezes aquilo que achamos mais estranho, é aquilo que nos torna diferentes, e se transforma num símbolo!

2. Não imites ninguém. Ao imitares os outros, não estás a ter ideias próprias. Procura coisas que gostes, mesmo que não estejam na moda, pede à tua mãe, tias, etc. O que se usa agora também já se usou na altura delas, e talvez elas tenham coisas engraçadas!

3. Renova o teu roupeiro. Se não gostas ou já não usas algumas roupas, podes personalizá-las. Faz desenhos, põe pins, faz rasgos, põe remendos... é só procurares a tua criatividade!

4. Mistura. Ao misturares várias peças completamente diferentes, consegues criar um estilo só teu!

5. Aproveita a altura de saldos para renovar o roupeiro. Na altura de saldos consegues comprar mais coisas pelo mesmo dinheiro. Antes de cada época de saldos analisa cuidadosamente o que te faz falta, e depois aproveita para comprar tudo a preços mais baixos!

6. Não tenhas medo de ser diferente. Atreve-te a usar tudo o que queiras... lá por alguém olhar de lado, criticar, ou seja o que for... não te importes! Desde que estejas de bem contigo.. é o que importa! E muitas vezes quem critica... gostava de ser igual!

Pág. 1/7

A Blogger

Cláudia, biomédica de dia e blogger de noite! Bem-vinda(o) ao meu cantinho!

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pinterest

YouTube

Instagram

@claudiagusmao

Facebook

Lojas

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D